domingo, 8 de agosto de 2010

TCHAU... vou ali cuidar de mim...

E você sentado à minha frente em silêncio.
E eu querendo te dizer (só porque é bem mais fácil do que dizer para mim mesma) que estou a um passo de ser uma nova Solange. Ou de voltar a ser a Solange de sempre.
Porque não quero mais sofrer dessas dores transparentes que me fizeram ficar tão afastada de mim.
Porque se ainda estou estilhaçada, embora vista caras de felicidade, é porque de algumas dores não se parte nunca, sobretudo destas dores emocionais.
Quando se quebra a perna, ela esta ali, quebrada, e é só a perna.
Mas quando se vive o que eu vivi, quebra-se algo do lado de dentro, e ninguém vê. Mas dói comprido, porque rompem-se todas as crenças. É a descontinuidade de tudo, a desorganização, o caos.

E dia desses aprendi que a maneira mais certa de seguir adiante é parar.
E reaprender a viver.
Porque não quero mais usar as velhas dores, não quero mais justificar minhas escolhas.
Cansei de me doer.
Quero viver meus pequenos milagres diários.
Que são lindos...

Então tchau.
Vou ali cuidar de mim....


para os que aprendi a AMAR por aqui,
deixo meu carinho mais sincero...
.
.

50 comentários:

  1. Sol querida te entendo bem, das dores que relata tão intensamente que me emociona...te cuida!!!
    bjokas de ternura!!!

    ResponderExcluir
  2. entao vá , se cuide e volte , volte quando puder , volte quando quiser , volte se precisar . Volte a Solange que talvez eu nem conheci . beijos e até .

    ResponderExcluir
  3. Eu acho que sou uma boa entendedora de dores Solange (Minhas cicatrizes mnão me deixam esquecer).

    Mas te digo, do fundo do meu coração, que seja o quanto for o seu tempo, que vou sentir muito a sua falta.
    Falta do seu carinho, da sua luz.
    Mas aqui dentro ó (♥), você não sai nunca.
    Força, fé, e um abraço, dessa que aprendeu a gostar muito de você!

    ResponderExcluir
  4. espero q isso seja so um poema, pq ficar sem a solenge emoção q estou acostumada fica dificil.

    bjosss...

    ResponderExcluir
  5. Nossa Sol, passo tanto tempo sem vir aqui e quando venho leio este texto tão doído pra você...e acabou sendo pra mim. É um adeus?? Espero que não!!!
    Vai (se realmente tens que ir), toma fôlego e volta logo, porque até ferida tu demonstra neste blog uma ternura como nunca vi igual.
    Lembro que quando comecei o blog o teu foi um dos primeiros que vi, me encantei de cara e quase 1 ano depois, ainda não encontrei em nenhum outro o que encontrei aqui.

    Você não somente é uma mulher forte, bonita e inteligente, és uma encantadora de alma e coração, basta chegar aqui pra sentir isso.

    Vou sentir saudades!!
    Grande beijo!!! Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  6. Desprogramar-se e elaborar um novo programa é a arte do reinventar-se então é como diz. No teu novo ritmo, o alegro retorna com vc. Sol. Vá com muitas bençãos e retorne quando achar que é inspirador voltar.

    Neste dia bastante festivo, vc. Bia e Lu deram ao Paipai de vc o carinho e amor.

    beijos pra ti que é especialissima. viu?

    ResponderExcluir
  7. Vai, mas volta, ok? :)
    Que seu repouso lhe traga a calma do eucalipto!
    Um beijo!

    ResponderExcluir
  8. Oii
    Essas dores internas e feridas, demoram tanto a sarar. Realmente temos que nos reinventar, para não viver sofrendo e sim viver.

    bjs

    ResponderExcluir
  9. Chegou maninha, o que você tanto queria....

    chegou a hora de

    "celebrar a vida.
    E depois...
    depois sentir os eucaliptos..."

    VAMOS AGORA SENTIR OS EUCALIPTOS!!!!!!!!

    VIVA!!!

    VIVA!!!!

    VIVA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Beijos em você, mana amada!!!!

    Bi

    ResponderExcluir
  10. Solange, querida, lendo teu post aqui, senti uma emoção que nem eu sei explicar...
    é como se sua dor fosse minha também, e eu percebo que até pra quebrar estes grilhões, deve ter doído um bocado... quem disse que não dói quando o bebê quer nascer? quem disse que não dói quando seus pulmões se abrem pra respirar esse ar, tão diferente?
    que seus pulmões se abram e vc respire um ar com cheirinho de eucalipto! eu já sinto daqui...
    Um grande VIVA à sua LIBERDADE!
    Vou sentir saudades de seus escritos... =(
    Beijos

    ps.: mas o blog da Bebela continua, né? diz que siiim! =)

    ResponderExcluir
  11. Espero que você melhore, mas para isto tem de ser vivido cada dia por sua vez...

    Fique com Deus, menina Solange Maia.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  12. Não quero ficar sem você. Essa dor eu não vou suportar. Mesmo à distância você faz parte de meus dias e me acostumei ao seu carinho. Sua dor dói em mim amiga.
    Eu vou estar sempre aqui.

    Beijos na alma.
    Layla Barlavento
    culpadowalter.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. te acompanho a tão pouco tempo e já me identifiquei tanto contigo..
    não há renascimento sem morte..
    até qualquer dia amiga..
    bjs.Sol

    ResponderExcluir
  14. Oi Solange,

    Nunca se esqueça de nós, nunca nos esqueceremos de você. Uma pena grande amiga, mas a vida é assim, cheia de nuançes e mutações.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  15. Solange querida,
    Sempre acreditei na capacidade maravilhosa que a vida tem de transformação. Parece que ela te atingiu em cheio.
    Confesso que fico com o coração apertado de perder seus belos textos. Mas desejo, do fundo dele, que você vá ser feliz, onde quer que vá.
    Felicidades!
    Beijos carinhosos

    ResponderExcluir
  16. Inacreditável como as pessoas vão fazendo parte de nós e por vezes deixamos de valorizá-las pois achamos que elas sempre estarão lá. Puro egoísmo!

    Estou feliz pelo seu renascimento e triste pois não será mais divido e confessado entre os eucaliptos na janela. Como numa conversa de comadres.

    Vá águia, é hora de voar. Esta terra está pequena demais para ti. Tuas asas pedem vento.

    Fique sempre com Deus, pois Ele está sempre contigo.

    ResponderExcluir
  17. Se é para o bem, vá e seja feliz viva intensamente do mesmo jeito que escreveu intensamente, suas dores e desilusões, que agora possa viver e talvez escrever outra historia.
    beijo grande e boa sorte!!

    ResponderExcluir
  18. Solange, tão conhecida e bem definida como Sol! Desejo que o seu sol interior volte a brilhar com força total. Que você cure suas dores e que seja muito feliz! Dure o tempo que durar, sua ausência nos fará muita falta.

    Beijos

    ResponderExcluir
  19. poxa, acho q perdi algo muito importante!!!
    o q foi contigo?
    se isso que li, representa o renascimento pessoal e emocional da mulher-que-escreve-da-janela, sim, vai!!! voce sabe voar...
    mas de noticias, n nos deixe sem suas palavras lindas...

    beijos

    ResponderExcluir
  20. Quero viver meus pequenos milagres diários.

    Que são lindos...
    Meu amor,deixa um presente de Deus para tantos que se identificaram em algumas folhas de seus eucaliptos.
    Sempre ao seu lado, lulu.

    ResponderExcluir
  21. Querida, um dia toda essa dor passa... Eu já passei e ainda passo, mas isso, eu escondo debaixo do tapete e ponho um batom vermelho e saio por aí... Disfarçando pra que ngm veja a minha dor... É assim mesmo querida! SUPERE! Vc é mais!

    ResponderExcluir
  22. Tudo é um aprendizado. Segure a onda apenas e deixe o tempo te moldar.
    Daniel

    ResponderExcluir
  23. Querida Solange,
    Como disse muito bem sua irmã Bia, você precisa abraçar os eucalipos que mesmo lindos, "empatam" a vista da vida que se descortina de sua janela...
    Não creio que o eucaliposnajanela estivesse lhe impedindo de agir,`a sombra dele você tomou folego prá ese mergulho neste lago que parecia calmo, mas que abrigava aguas revoltas...Pode até ser pretensão de minha parte mas creio que nós daqui do outro lado da tela lhe ajudamos a despir a alma e mergulhar de cabeça neste projeto futuro!
    Querida amiga, nós também aprendemos a amá-la e nos condicionamos a receber doses diárias de carinho e coragem através de suas palavras, tal como as plantinhas que culivamos em vasinhos esperam a rega diária em nossas janelas. Mas saberemos esperá-la!!
    Voce já dava sinais de sua fragilidade/força tal qual um vulcão que deixa escapar uma tênue fumacinha anunciando a erupção benfazeja que dará lugar a uma terra nova!
    Estaremos aqui, torcendo por você que hoje se mostra casulo anunciando a borboleta linda e colorida...
    Estaremos daqui entrevendo pelas frestas dos eucaliptos o nascimeno da mesma mulher que sabe sangrar até morrer...mas só de amor!!
    Conte conosco sempre!

    ResponderExcluir
  24. Se para você a maneira mais certa de seguir adiante é parar, pare e vá viver seus pequenos/grandes milagres.

    Sempre te li como um livro, quem sabe um dia você publica o Eucaliptos...Não exclua. E se caso, um dia volte a escrever me chame pra te ler.

    Para você que aprendi a AMAR receba meu carinho e seja feliz.

    Beijos
    Mah

    ResponderExcluir
  25. ...coragem assim é para poucos...e as vezes cansamos de nos doer...entao Parar de doer é interromper a causa da dor...e Seguir sem dores...

    Um forte abraço!

    Paz e Luz!

    ResponderExcluir
  26. Acabei de escrever sobre isso em meu blog e venho aqui e encontro o seu, que tão parecido com o meu me mostra que essa dor não é só minha.
    Espero que não se vá, pq quero sempre voltar e saber que aqui vai estar. Divida conosco as suas tristezas que elas se tornaram menores.
    Mas se precisar ir, quando voltar estaremos a te esperar, aqui no mesmo lugar.
    bjos

    ResponderExcluir
  27. Solange, minha querida,

    Em silêncio eu abraço as tuas letras e transformo o meu carinho, por ti, em oração. Bjs.

    ResponderExcluir
  28. Solange, juro que ao ler isto meus olhos se encheram de lágrimas. Sinta-se abraçada, se pudesse te curaria com algumas palavras. Mas, vai lá, fique o tempo que puder e volte.

    beijos

    ResponderExcluir
  29. Mesmo sem te conhecer, aprendi a te admirar pelas coisas profundas e pela linda poesia que vc sempre pintou aqui, neste quadro de eucalíptos perfumados e imorredouros. Não desapareça querida. Sane sua alma, suas dores e volte inteira para aqueles que ficarão aqui te esperando. Se reinvente, mas volte...Ficarei torcendo, orando e te enviando milhões de energias positivas. Beijos querida, até a volta.

    ResponderExcluir
  30. Solange

    É do CAOS que se reconstrói uma vida. Parabéns, como disse a Bia, por ter conseguido quebrar com as garras do sofrimento. Aprendi a te gostar por aqui e realmente espero que o teu reviver seja longa e gostosa!

    Beijão e volta logo.
    Anne

    ResponderExcluir
  31. Nossa, seu texto é o meu texto!!! Mas daqui a algum tempo, quem sabe... Espero de verdade que sim, sei que vc "me" leu nas entrelinhas do que acabo de escrever. Vá, mas volte! Repaginada, como eu espero estar algum dia tb, e, que este não demore muito para chegar! Beijos.

    ResponderExcluir
  32. Paz e renovação é o que desejo a você!!! Mate aquilo que não te deixa viver, e viva com aqueles que de fato, amam você!!!
    Amor, vida, luz e serenidade para suas próximas horas!!!
    Beijos e amo esse lugar aqui...

    ResponderExcluir
  33. Solange, não deixe o blog, seu blog é lindo, sensível, poético, não nos abandone!
    Cure-se e volte logo!
    te amo.

    ResponderExcluir
  34. Vai...Raio de Luz...mas quando puderes...volta voando!!!!
    Beijão para ti e desculpa a minha ausência ...o que fazer para te agradar????
    Pensei...pensei...e resolvi me esquentar desse frio terrível(que está fazendo no meu sul amado),aqui no teu blog...é onde eu encontro sempre aconchego,calor,ternura e muito sentimento!
    Na bagagem estão minha escova de dentes,sabonetinho,perfume,calcinha...suti,não...pois eles ainda são firmes e fartos...heheheeeeee...batonzinho BOKA LOKA,da cor do pecado;fitinhas para meus cachinhos loiros dourados(alguns com a cor azul,como são azuis meus olhos azuis da cor azul do céu do meu BRASIL\o/uhuuuuuuu\o/),meus saltinhos de pedrinhas de brilhantes...risadas,amor e ternura.
    Roupas?
    Joguei um vestidinho de seda e um casaquinho de lã sobre meu corpinho...fiufiiiuuuuuuuu...vendo-me tremer,vais me abraçar forrrrrteeeeeeee!
    Acabei de decidir:
    Não vou mais...quero que sintas saudades de mim e me implores para eu aparecer de vez em quando em tua vidinha!
    Já imaginou tu enjoar de mim?
    Nananinãonão...vou fazer minha morada em teu coração.
    E não adianta trancar a entrada dele,porque me agarro pelo lado de fora e não desgrudo de jeito nenhum...huaschuaschuasch...
    Sei que sou um chute nos fundilhos...mas fazer o que se sou vidrada por tu,meu tatuzinho?????
    Ôôô...reparou o quanto já escrevi????
    Será que todo mundo vai ler???
    Fica feliz...assim a porcentagem de aceitação de teu blog vai aumentar...rsrsrsrs...viu como até nisso eu penso,só para te agradar???
    Bem...como já me esquentei no teu cantinho e me banhei com a tua luz...eu vou,mas eu volto...quem sabe voando... e não adianta arrancar minhas asinhas só para eu ficar longe de ti...huaschuaschuasch...pois eu sou terrível \o/ uhuuuuuuuu \o/...venho montada na vassourinha mesmo...huaschuaschuasch...

    ResponderExcluir
  35. Doer,sempre,mas ficar sofrendo...Jamais! Ninguém merece toda essa importância né?!
    Faz parte da vida,dos prazeres...Esses sonhos vividos tão intensamente de entrega e investimento.Chega uma hora em que só tiram e não acrescentam e aí não vale a pena mesmo. Nos voltar pra dentro e nos fazer boa companhia é sempre uma boa saída para a nova entrada. Amei demais!
    Amiga, já melhorei e voltei. Coloquei uma postagem tb no Bloggirls,se puder me faça uma visitinha lá também. Montão de bjs e abraços
    http://meninasdoblog6.blogspot.com

    ResponderExcluir
  36. renovarce e sempre bom... respirar un pouco y sentir o nossa piel y cuidar de nossa persona..
    felicidades

    Abracos
    otima semana

    Saludos

    ResponderExcluir
  37. Ainda bem que voc~e sbe da força que há em si. Use-a. E cuide-se mesmo, você merece ser feliz. beijão

    ResponderExcluir
  38. Solange,

    sua escrita é sempre particular.
    Este texto, em especial,
    muito comovente.

    "quebra-se algo do lado de dentro,
    e ninguém vê."

    Hoje, além de um beijo,
    enviarei um sopro
    (de vida).

    Doce de Lira : )

    ResponderExcluir
  39. ' Ain q texto mais lindxooo...
    Mais não nos abandone viu^^
    Sinto sua falta quando você demora postar aqui =/
    Q Deus te preteja sempree\\*
    Com carinho...

    Josy*

    ResponderExcluir
  40. Querida,
    há dias que estou para entrar, mas recuo, sem saber bem porque...talvez por saber sim o porquê.
    Nos desencontros da vida, encontra-se a vida.
    Que Deus ilumine seu encontro,
    Com muito carinho,

    ResponderExcluir
  41. Ai Sol, fique surpresa e um pouco, só um pouco triste. Fico triste pela ausência da sua palavra. Mas olha: vai! Vai e se cuida! Vai e fica bem. Vai ser feliz. Vai mas, volta!!!!!!

    Um beijo.
    Qualquer coisa: tô aqui!

    ResponderExcluir
  42. Todo dia eu volto aqui e fico daqui da porta olhando lá prá dentro `a espera de você... Tenho certeza que uma hora você vai abrir um sorriso e me convidar prá entrar!
    Não tenha pressa...vá no seu tempo...eu espero!
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  43. Acho que não precisa, mas vou relembra-la o quanto gosto daqui, o quanto gosto da Solange que não conheço.Eu conheço a parte mais leal de você mesma, essa onde transborda essência, sentimento, virtudes, amor, assim como, o contrário de tudo isso. Peninha grande não tê-la por aqui, saber como vai seu coração, saber o que Bebela anda fazendo, dizendo... Aprendi a amar cedo, com a simplicidade do todo, sem querer nada em troca. Pq não se pede, se dá e muitas vezes não se sabe pq não é? Querida Solange, com certeza foi um presente conhecer seu blog, me trouxe muita alegria, em noites vazias e tristes, ou noites e dias de riso, alegria...

    ResponderExcluir
  44. Quando estiver bem, melhor do que está, mais cuidada e pronta, volte. E por favor não se esqueça da leitora mais mufininha de todas, euzinha :)

    E quando menos esperar, te mando cartas-emails, para saber como vai você. Como vai a doce e encantadora Bebela.

    Deixo um beijo grande!

    ResponderExcluir
  45. Quanto sentimento!Quanta beleza na dor! Nem pense em nos deixar!
    bjs

    ResponderExcluir
  46. Sol,

    tive que perder, chorar, ver minha alma se partir e estilharçar. isso tudo para que eu reaprendesse tudo na vida.
    Foi dolorido, rancoroso, guardei mágoas e sentimentos. Mas, hoje, quando olho digo: Tudo foi necessário para o meu crescimento e amadurecimento. Tive que cair, ficar na cova dos leões como DAVI, e volta para sorri....
    vá sim.. mas, NÃO PARE...
    Vá e prossiga, pois é isso que Deus quer.. que prossigamos e sejamos felizes... beijos e muita luz pra ti

    ResponderExcluir
  47. Nossa...
    que post bonito mais com um 'Q' de tristeza imenso... faz tempo q não posto por aqui.. mas posso dizer que esse é um dos blogs mais lindos que já vi.. com tanta intensidade q acalma a alma!
    Mas se realmente tens de ir.. vá, fique bem, e volte tão logo puder!!
    Estaremos de plantão, sentadas (os) aqui, aguardando anciosamente a tua volta!!

    Beijos no core
    Danny Almeida
    confusaquemeu.blogspot.com

    ResponderExcluir