terça-feira, 19 de maio de 2009

QUERO TE SABER

Qualquer dia desses paro o que estiver fazendo só para estar com você.
Quero estar sem pressa, quero olhar dentro dos teus olhos e quem sabe, finalmente, vamos nos saber...

Vou querer ouvir dos teus filhos, do teu novo amor, do que tem sonhado, dos teus planos, do que anda cantando quando está feliz, e se já esqueceu de teus velhos medos.

Vou querer contar de mim, dos meus projetos, do que tenho feito, do filho que quero ter, do amor que encontrei num velho amigo, dos livros que ando lendo e das crônicas que escrevo sem parar.

Mesmo falando disso tudo, sei que vai haver muito silêncio.
Estou assim.
Aprendi a entender o não dito.
Mas que haja entrega, como nunca tem havido.
E que eu veja teus olhos e compreenda finalmente o que as palavras nunca disseram.
Porque sempre há comunhão no encontro de quem se gosta.
E sei do seu gostar, assim como sabes do meu.

Qualquer dia desses.
Por que ainda não é o tempo de se encontrar...

44 comentários:

  1. GRato pela sua visita. Também venho aqui, geralmente para me recompor, tomar um banho de letras! Um abraço!

    ResponderExcluir
  2. Sabe, Sô, eu ouvi uma frase hj de uma amiga q seu texto me fez relembrar. Era mais ou menos assim: Andamos tão apressados que damos mais atenção ao que é urgente do que ao que é importante. Uma frase tirada de um restaurante na Suécia. Uma realidade mundial. Uma realidade humana. Eu parei pra pensar. Assim como vc fez nesse texto. Tomara q esse qualquer dia seja amanhã! Ou quem sabe esse fim de semana? Mas que seja em breve. Pq além de importante, tenho certeza que é urgente.

    Um beijo, minha amiga! No seu coração.

    ResponderExcluir
  3. Olá Solange!
    Diferente de você, ainda estou aprendendo a entender o não dito... é um exercício demorado, viu. Ou será inocência minha em relação a determinadas situações? Enfim, com o tempo eu aprendo... =)

    Belo texto, assim como os anteriores!

    Beijo,

    Renata

    ResponderExcluir
  4. Gostaria de parabenizá-la! Cada vez que leio seu blog, as suas palavras fluem como canção na alma... docemente e intensamente.

    Valeu!

    Renata Forte

    ResponderExcluir
  5. Sabia que teu lugar aqui me preenche? As vezes me molha os olhos, as vezes me arranca sorrisos, mas sempre me faz sentir bem!
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Solange, muito interessante essa ideia de se encontrar, esquecemos de fazer isso.
    Bj

    ResponderExcluir
  7. Eu me vi totalmente nesse texto.
    Gosto de como escreve.
    Gosto de vir aqui.
    Você é ótima!
    beijão

    ResponderExcluir
  8. Lindo texto. Creio na tentativa diária de doação ao outro.

    ResponderExcluir
  9. Maravilhoso teu texto,sempre nós, na tentativa de crescer e achar o momento jusdto para as coisas...beijos,chica

    ResponderExcluir
  10. Bonito isso.
    Mas tenhamos cuidado porque o tempo traça um fio, um segundo fio entre as pessoas.
    Isto é dual - como quase tudo.
    Experimenta-se o fio do encontro, o que já existe em ligação e experimenta-se o fio do desencontro no reencontro - o que não se sabia.
    Mas é bonito de qualquer jeito - sendo "da vida"...

    ResponderExcluir
  11. Um texto fluindo como um riacho manso.Gostoso vir aqui.bjsss

    ResponderExcluir
  12. Oi Solange,
    o tempo é sempre o melhor remédio...
    Bonito!

    (uma viagem num mundo de blogs...)
    veja lá...

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Tudo tem seu tempo, mas andamos num mundo que nos pressiona tanto a fazer tudo pra ontem que nos pegamos ansiosas, depressivas querendo resolver todos os nossos problemas num piscar de olhos.
    Ter paciência hoje as vezes acho que vale tanto qto ter sabedoria.
    Bjs

    ResponderExcluir
  14. Oi Solange, lendo seu texto, direcionei meu pensamento à todas as pessoas de quem gosto muito. Palavras doces e leves que expressam um sentimento tão nobre: o do amor amigo. Abraços.

    ResponderExcluir
  15. Texto lindo demais! A mais bonita e verdadeira forma de haver comunicação entre duas ou mais pessoas que se conhecem e se entendem a ponto de não precisar falar nada pra que tudo seja esclarecido. É a melhor e mais sadia relação que se pode compartilhar com alguém!

    Bjus!

    ResponderExcluir
  16. É ,você tem o dom de me fazer emoção.
    Quando começo a achar que estou me tornando hermética e até meio amarga,vem você e ploft
    (tome Denise,relembre-se quem você é por traz dessa máscara que usa para se proteger)
    Ai então,me abraço como para matar a saudades e intuo a você energia de gratidão,afinal é bom vez por outra se encontrar.

    grata.....
    Denise

    ResponderExcluir
  17. oi solange, obrigada pela visita ao blog!
    gostei muito do seu também, muito poético! esse post chega a dar uma angústia, incrível!
    beijo, volte sempre

    ResponderExcluir
  18. Solange, eu queria saber esperar esse tempo certo, sabe? Sou tão ansiosa...
    Bjos,
    Paulinha

    ResponderExcluir
  19. Mudar é preciso,
    reviver não é preciso!

    ResponderExcluir
  20. tá bom... to esperando então...

    hehe

    abraços

    ResponderExcluir
  21. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  22. É muito acalentador saber que podemos nos emocionar,sempre que voltamos aqui...Relembrei velhos amigos...Bons momento...Felicidade ímpar...Valeu,Solange!
    Bjs no core,
    Cris

    ResponderExcluir
  23. O silêncio (que eu adoro) é bem mais interessante e gostoso que as palavras propriamente ditas.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  24. Achei tão lindo!

    Ainda não é tempo de se encontrar...

    Sei lá, mexeu comigo. Tantas vezes queremos encontrar tantas coisas, mas não é o tempo certo.

    bjs

    ResponderExcluir
  25. É muito bom ler a suavidade das suas palavras... A comunhão com quem se gosta é verdadeira, e alegra a alma!
    bjs pra vc, Marcia

    ResponderExcluir
  26. Eu é q vou te conhecer,
    qualquer dias desses... =D

    Bjokas =*

    Kariny

    ResponderExcluir
  27. .
    _________@@@@@@@@__________@@@@
    ________@@@________@@_____@@@@@@@
    ________@@___________@@__@@@______@@
    ________@@____________@@@__________@@
    __________@@________________________@@
    ____@@@@@@______@@@@@___________@@
    __@@@@@@@@@__@@@@@@@_________@@
    __@@____________@@@@@@@@_______@@
    _@@____________@@@@@@@@@_____@@
    _@@____________@@@@@@@@___@@@
    _@@@___________@@@@@@@______@@
    __@@@@__________@@@@@________@@
    ____@@@@@@_______________________@@
    _________@@________________________@@
    ________@@___________@@__________@@
    ________@@@________@@@@@@@@@@@@
    _________@@@_____@@@_@@@@@@@@
    __________@@@@@@@@ @@@@@@
    ___________@@@@@_@
    ____________________@
    ____________________@
    _____________________@
    ______________________@
    _______________________@____@@@
    _______________@@@@__@__@____@@
    _____________@_______@@@____@@
    ______________@@@@____@__@@
    ______________________@
    _____________________@

    ResponderExcluir
  28. Silêncio...essa pequena e maravilhosa pausa!!!
    O olhar silenciosamente transmite ruídos dissonantes que só outros olhos percebem...Deixam os sílio dos ouvidos confusos.Entender essa comunicação traduz a em entrega em rendição momentânea. Dois corpos. Duas almas. Duas energias sinérgicas em ação..comunicam-se e espreitam-se. Enfim experimenta-se. O existêncial dismistifica o fúlgaz prazer e eterniza o contentamento e o entusiasmo.
    Solange (Anjo Solar) com seus neutrinos de luz e calor invade a alma e aquece, os recantos do Olhar de Carpe Diem.. Grato pela visita e os memoráveis comentários. De core!

    Hod

    ResponderExcluir
  29. Oie Solange
    nossa que imagem mais LINDA!!!!
    vc passa um carinho p todos nos atraves de suas escritas... passa um sentimento sem igual...as vezes agente ate se emociona
    otimo dia
    bjuz

    ResponderExcluir
  30. Encontros e reencontros são sempre tão bons... e quando é no momento certo... pode ser ótimo.

    bjs

    ResponderExcluir
  31. Solange, belas palavras!
    Tenha uma noite abençoada!
    1000beijinhos!

    ResponderExcluir
  32. Sobre o ex, de você para você mesma ...
    Bem feminino.

    ResponderExcluir
  33. Existe felicidade maior que aquela despretensiosa e simples?

    ResponderExcluir
  34. Olá Solange!
    Que bom que você gostou, fico feliz!

    Sempre que puder vou vir aqui...

    Beijos.

    ResponderExcluir
  35. Lindo Demais!

    Bom final de semana!

    Beijos

    ResponderExcluir
  36. Que lindo. Vc transborda palavras... lindas palavras.

    ResponderExcluir
  37. Quem me der pode ficar assim com aquela pessoa que eu amo...

    Fique com Deus, menina Solange.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  38. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  39. Lindas Letras, as vezes essa vontade desse encontro que não precisa nem de palavras, as vezes tantas coisas por dizer, mas que na hora, o silêncio fala mais alto, e nada precisa ser dito.

    Belo!

    Abço!

    ResponderExcluir
  40. um dia tb aprendo a transformar sentimentos em palavras...

    ResponderExcluir
  41. Doce! Seus textos são suaves e intensos!
    Volto outras vezes! Parabéns!

    ResponderExcluir
  42. Amo esse blog, descobri ele sem querer e não deixo mais de olhar. ^^

    ResponderExcluir
  43. Amo esse blog, descobri ele sem querer, e não paro mais de visitar.^^

    ResponderExcluir