quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Lambida

Preciso dos teus lábios colados nos meus para que eu finalmente
seja quem sou.

Sem escudos ou invenções. Sem mais personagens desencaixados.

É que só sei contar minha vida, se bem rente a você.

.

Cansei de tentar entender tua ausência.

Cansei até das minhas palavras.

Quero um silêncio bom, a despeito do tanto que há para ser dito.

Porque sei de você, e sabes de mim.

Cada vírgula, cada reticência...

.

A verdade é que preciso da tua lambida.

E da eternidade dos teus olhos.

.

Porque de vez em quando tenho a impressão de que se me afasto um instante, você me esquece.

27 comentários:

  1. Ai ai tb tava precisando disso de alguem em especial........pena que esse alguem parece que de mim já se esqueceu........
    Linda noite pra ti amiga, beijos.

    ResponderExcluir
  2. Entre lambidas e beijos, melhor o silêncio sussurrado de palavras íntimas demais.
    Não tem texto teu que não tenha vontade de levar comigo... rs (no melhor dos sentidos!!!)
    Beijokas.

    ResponderExcluir
  3. Uauuu!!!que post maravilhosooo!!amei seu blog!!ele é encantador!!serei seu seguidor...ahh!!beijos e lambidas de língua é tudo de bom...principalmente se fizer com todo o requinte de gostosuraaa!!!uiii!!me deu uma vontade de beijar muitooo!!!kkkk!!beijos menina lindaaa!!

    ResponderExcluir
  4. Simples e direto.
    De uma profundidade sentimental desconcertante.
    Amei ;)

    ResponderExcluir
  5. Minha querida
    Quando amamos, precisamos da presença...do toque do carinho.
    Adorei como sempre o teu poema.

    Beijinhos
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  6. Lindo e intenso!
    Como sempre textos maravilhosos
    :)

    ResponderExcluir
  7. Lamber e degustar nosso objeto de desejo...seja ele o sorvete ou o amante.
    Vale saborear com requinte.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Divinas palavras!

    é...precisamos sentir mesmo esse toque real, assim não somos esquecidos(as), nem esquecemos...

    Bjo!

    ResponderExcluir
  9. muito interessante, quando estamos apaixonados temos muito disso, o medo do esquecimento, o medo de que o fogo seja apagado e pronto o sonho acabou.

    bjs

    ResponderExcluir
  10. Ahhh Solange seus versos alimentam minha alma e me fazem...voaaaar bem alto!!! Já volto... vou ali dá uma lambida em alguém. rsrsrsrs Sucesso querida, você é o máximo!!!

    ResponderExcluir
  11. Aha ... encontrei mais alguém que gosta de lambidas ...

    ResponderExcluir
  12. A eternidade do amor - com sensualidade.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Mas será que o silêncio bom precisa realmente de silêncio, ou espaço para se fazer sons de felicidades?

    Fique com Deus, menina Solange Maia.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  14. Solange

    A presença marca muito melhor o "território"!


    Bonito sempre,
    Bjs, minha querida!

    ResponderExcluir
  15. Olá, lindo e que amor! abraços

    ResponderExcluir
  16. Cada vez mais inspirada!!!
    lindas palavras.
    beijos

    ResponderExcluir
  17. Nossa que inspiração!
    Fiquei aqui só imaginando a cena!
    beijos

    ResponderExcluir
  18. eu tenho a mesma impressão So..

    gosto muito do que escreve..do que pensa..do que sente.

    bjs.Sol

    ResponderExcluir
  19. Música para os meus ouvidos. belo texto!
    Voltei ao mundo dos blogs, alias, Uma mãe em apuros voltou!
    bju

    ResponderExcluir
  20. Solange,
    Poucas palavras dizem muito e imagens contam histórias profundas.
    Grato pela visita e o comentário!
    Bjo

    ResponderExcluir
  21. Prazer, eu sou a Janaina.

    Qual é o seu nome?

    Você escreve?

    Gostaria de escrever uma história fantástica a ser publicada em meu blog?

    Vou te revelar algo... Estou a escrever o meu TCC sobre leitura e criação literária, inclusive já quase finalizei todos os capítulos faltando somente aperfeiçoá-los, porém gostaria de elaborar mais um e necessito de ajuda...

    A minha proposta do TCC é de questionar e conversar sobre a arte de ler uma história e sentir num êxtase de escrever outra história, numa espécie de círculo vicioso sem fim em que o leitor passa a ser o autor de outras histórias que irá escrever e motivar outros leitores a escreverem outras histórias...

    Estou a conceituar a criação literária em blogs no universo da web, dai a minha intenção de buscar outros blogueiros e autores para publicar seus textos numa página reservada em meu blog. Aqueles que enviarem os seus textos estarei identificando a autoria e divulgando o blog também. Quero abrir um espaço para que outros divulguem suas idéias no meu blog e que assim haja uma interação entre vários autores e leitores.

    Então segue o meu convite. Abro um espaço em meu blog para aqueles que me enviarem por e-mail (janainakarina@gmail.com) um texto de uma história fantástica em prosa ou poesia.

    Agradeço

    Janaina Ramos

    ResponderExcluir
  22. Amei seu blog! Me identifiquei muuuuuuuuito com seus textos, virei fã de carteirinha, FATO!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  23. Acredite nessas poucas palavras que direi: não se esquece do que se conhece. ;)

    Beijo.

    ResponderExcluir