quarta-feira, 25 de julho de 2012

das princesas pós-modernas...


A menina acordou se sentindo no meio de um conto de fadas, que se não fosse tão ‘pós-moderno’, teria sido escrito pelos irmãos Grimm, que se não ocorresse num país tropical, teria ocorrido às margens do lago Constance, na fronteira entre a Alemanha e a Suíça, que se não tivesse o Vale do Paraíba no meio, teria a Floresta Negra, que se não tivesse começado com as palavras desconstruídas de Manoel de Barros, teria começado com o famoso Era Uma Vez...

É que de vez em quando alguma coisa (inter)rompe a rotina...
desconfio que seja a verdade, e não a fantasia.

A vida mostra que histórias são histórias, lá longe ou aqui perto, e, que o que as torna 'encantadas', não são as fadas, 
são as possibilidades.

É assim que, sem nem esperar, essas coisas acontecem.
.

5 comentários:

  1. "O verbo ler não tolera o imperativo, temos que seduzir, provocar, enamorar.
    Ler por prazer é algo contagiante.
    Tudo isto servirá no futuro como verdadeiros anticorpos para o choque invitável contra a mediocridade, a hipocrisia e a vulgaridade quotidiana, contra a aridez do espírito, a insensibilidade e o declínio das faculdades sensitivas da beleza."

    [Biblioteca José Saramago]

    Venho te Parabenizar pelo dia do Escritor! Que continuemos a encantar sempre!
    Abraço.

    http://apoetaesuasletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Era uma vez que não era uma vez, era uma possibilidade.

    Lindeza!

    beijão!

    ResponderExcluir
  3. Solange,

    essa tal de possibilidade não me dá uma chance, também!

    Explico: Venho perseguindo há muitos anos, a possibilidade de ter uma Ferrari Testarossa Vermelha e que já venha com uma mulher lindissima dentro dela e ...nada!

    Já abaixei até a bola, e só ando esperando agora, por possibilidades mais realistas e menos fantasiosas tipo,ver o Paulo Salim Maluf na cadeia ou acertar sozinho na mega-sena!

    Nada!

    Ou eu ando pedindo o impossível, ou estas tais de possibilidades, sempre que eu começo acertar as suas respostas, elas mudam perversamente, as respostas.

    Tem alguma coisa errada!

    Um abração carioca.

    ResponderExcluir
  4. Muchos dicen que no hay que creer sino en lo que pueda ser efectivamente probado, pero nadie podrìa explicarme lo bien que me siento cuando leo tus escritos.
    Muchos dicen que uno vale por lo que puede mostrar. Cada vez que te leo llenàs todo el aire y se acaban las teorias.
    Creo en vos Solange y no necesito prueba alguna.
    Abrazotes !!

    ResponderExcluir
  5. A verdade pode ser aquilo que fantasiamos:)!
    Bjo

    ResponderExcluir