quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Di.vi.dir

Acho que ninguém definiu melhor saudades e solidão do que Henfil numa carta que escreveu para sua mãe em 1979, que dizia mais ou menos assim :

“Mãe, não suporto mais a saudade sufocante do meu irmão Betinho. Minha vida segue sem sentido e sem alegrias. O grito de gol fica preso no peito porque me sinto sozinho no Maracanã mais lotado. Perdoa, mãe, mas biscoito de farinha só é gostoso se mastigado olhando nos olhos do irmão que sente na mesma hora a mesma delícia...”

Além de saudades e solidão, essas linhas falam muito ao meu coração sobre DIVIDIR e sobre o amor...
E eu, alegria de verdade, só sinto se posso dividir...

40 comentários:

  1. minha querida, o que é a alegria de verdade senão a possibilidade de compartilhar riquezas?!
    Adoro vir aqui, estava com muitas saudades!
    grande beijo!

    ResponderExcluir
  2. Dividir é arte e faz mesmo as coisas ficaram mais saborosas.

    Solange que divide com a gente seu "biscoito de farinha".

    Salve !

    Ênio Marques

    ResponderExcluir
  3. Também não conseguiria ser feliz sem dividir.
    Na verdade, eu sinto necessidade de compartilhar.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Claro,dividir emoões sempre. Agora veja a forma simples como o grande Henfil falou de saudade, simples mas verdadeira, tocante.

    ResponderExcluir
  5. Dividir algrias, tristezas, sorrisos, choros... Dividir um xícara de chá, cobertor quentinho.

    Dividir emoções é o que há! rs

    Beijos, Lu.

    Obs.: Lindo texto!

    ResponderExcluir
  6. Biscoito com leite olhando os olhos dele.
    COMPARTILHAR!
    Lindo ensinamento esse de DIVIDIR somando

    grata
    Denise

    ResponderExcluir
  7. Pena que grande parte das pessoas nao saibam dividir. O que e uma pena. Bjus.

    http://contesta-acao.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Tudo que podemos dividir fica com outro sabor!beijos,chica

    ResponderExcluir
  9. Realmente nada como ter alguem com quem dividir nossa alma!Lindo seu post!Bjs,

    ResponderExcluir
  10. Alegria de verdade mesmo....só se a gente dividir....e eu faço isto com você todos os dias, mana!
    salve, salve!

    beijos, sua LINDA!!

    Bia

    ResponderExcluir
  11. Dividir os momentos e sonho que se sonha sozinho, é um biscoito que não é degustado. Biscoito fino é esta descrição do querer estar junto. Olhar os olhos e olhar o tanto de tudo que se tem prá dividir, partilhar, comemorar com quem se ama de verdade.

    Beijos, querida.

    ResponderExcluir
  12. Uia, por que está saudade toda?

    Fique com Deus, menina Solange.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  13. Aiiiii que bonito!!!! Estou sentindo tanta saudades do meu colo mãe ...... você não faz ideia !!!!!! .......solidão mesmo encharcada de carinho de amigos maravilhosos ... ingrata???? talvez ..... mas sinto só saudade no peito ..... queria tanto minha mãe perto de mim agora .....

    ResponderExcluir
  14. Olá minha cara, um texto realmente tocante ! Simples e lindas palavras. Obrigada por sua amável visita e comentário. Bj.

    ResponderExcluir
  15. Nada como este texto de Henfil, mas lá no meu mero bloguinho postei sobre saudade, mas deixei claro como é esta a minha saudade!
    Oh saudade... palavra comum, no entanto para se descrever este sentimento fica mesmo sendo um sentimento sem nome, sensações sem descrição. Apenas se sente e nada se fala. Apenas dói e nada se cala.

    beijoss
    inteh

    ResponderExcluir
  16. Oi, Solange! É sempre bom passar por aqui, encontrar uma imagem, uma palavra que digam mais que mil imagens, mil palavras. Obrigada por nos brindar com sua sensibilidade.
    Concordo, a vida só tem sentido quando aprendemos a dividir: esperanças, sonhos, desejos...frustrações... abçs :)

    ResponderExcluir
  17. Que lindo, você sempre consegue expressar aquilo que está guardado em mim e não sei dizer em palavras. Amo seu blog e seus pensamentos

    ResponderExcluir
  18. Eu também...mas no momento não tenho com quem dividi-la.

    ResponderExcluir
  19. Uau! Agora até o meu coração se encheu!

    ResponderExcluir
  20. Saudade dói.
    MuitoooOO!

    Lindo demais o post.
    ;***

    BeijOs

    ResponderExcluir
  21. Nossa, que lindo !
    Adorei e me deu vontade de chorar....

    ResponderExcluir
  22. Amor tem suas alegrias. Uma delas é no que é autêntico, genuíno e verdadeiro

    ResponderExcluir
  23. SOLANDE MAIA, a matemática da vida sempre foi a de que:quem divide multiplica amizades, soma reconhecimentos e diminui as perdas e solidão.

    Um abração carioca

    PS :Estou com um novo blog, "COMO ERA FÁCIL FAZER SEXO", no endereço:

    http://adoraonoturnafeminina.blogspot.com/

    Um abração carioca.

    ResponderExcluir
  24. Estar com um irmão e poder dividir as coisas. Tem coisa mais bonita.

    Solange tem um selo de coisas importantes para você no meu blog. Passe la!

    ResponderExcluir
  25. Meu coração torceu lendo esse post!
    Fico impressionado como algumas pessoas conseguem traduzir tão lindamente nossos sentimentos...
    Bj!

    ResponderExcluir
  26. Acho que isso se parece com "nossa, precisava contar pra alguém".
    Tem coisa que simplesmente não faz sentido sem certa pessoa.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  27. Sô do meu coração, lágrimas nos olhos... Tem gente que diz tanto de um jeito tão simples.

    bjao!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  28. Pelo visto, a minha emoção não foi a única a provocar lágrimas nos olhos.
    Beijos,
    Ana Lúcia.

    ResponderExcluir
  29. Henfil era um gênio.
    Brasil sente falta de pessoas como ele.
    Como todo gênio ele conseguiu transformar uma simples carta num imenso gesto.
    Uma bandeira.
    Que toca o coração.

    Um beijo, Solange.

    ResponderExcluir
  30. Solange,
    Seu blog é lindo, parabéns!
    Muito tocante esse post, e verdadeiro também!... Saudade dói, solidão machuca, amor multiplica quando é dividido!...
    Depois passa lá no meu blog também, "pra tomar um café"!... Coincidentemente transcrevi no meu último post um trecho de uma carta que Franz Kafka escreveu a seu pai.
    Já estou fazendo propaganda sua.
    Um grande abraço,
    Renata Feldman
    renatafeldman.blogspot.com

    ResponderExcluir
  31. Saber dividir, diria eu que é um dom, pois tão poucos sabem essa arte sem nada pedir em troca :)
    Ah, receber sua visita no meu blog é sempre uma honra!

    Beeijo!

    ResponderExcluir
  32. OI Solange, esta imagem em tons verdes assim ficou muito bonita combinou com o fundo, esta saudade que falas aqui, também falo lá no verseiro...eita, hoje está complicado, emoção a flor da pele...
    Um abraço na alma, bom fim de semana e um ótimo domingo dos pais para você...

    ResponderExcluir
  33. Que coisa mais simples e linda não, Solange?

    Beijos e bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  34. Quanta sensibilidade nessa alma. Eu tenho uma admiração enorme por Henfil e Betinho, nos ensinaram muitas coisas.

    Bjs e bom domingo.

    ResponderExcluir
  35. Aloha meiga e doce Solange!!


    Teu Domingo será como o meu e de muitos!!

    Com muita Luz e Paz. Bençãos, Alegrias e muito Amor, convergindo da Consciência Existêncial para a totalidade dos seres que habitam o planeta!!

    Homenageio-te em vida pelo duplo papel que desempenhas o de Mãe e Pai ou Pãe!!

    Te felicito por compartilhar conosco tua sensibilidade, alegria e amor!!!

    Aloha querida e doce amiga!!!

    Hod.

    ResponderExcluir
  36. Saudades e solidão mexem muito com nosso coração. Hoje é mais um dia que sinto muita saudade do meu pai já falecido.
    Amiga Solange, tenha um domingo maravilhoso e muitos beijinhos!

    ResponderExcluir
  37. Solange...

    Que boooom que vc chegou até meu blog...

    :D

    Welcome!!!

    E que blog gracioso, esse seu?!?!

    Palavras medidas da forma certa...

    Beijinhos...

    ResponderExcluir