sábado, 15 de janeiro de 2011

do que guardo...

Mesmo quando desvio meus olhos e meus pensamentos de ti, mesmo quando estou ocupada consertando a minha vida, enquanto vasculho as imensidões psicológicas que moram em mim, mesmo quando estou cansada e precisando de tantas coragens, mesmo assim, guardo teu rosto na retina da minha alma.

E, de repente, eu te desejo.

E me sinto melhor...

.

37 comentários:

  1. Minha querida

    É apenas amor...o texto diz tudo que sentes.

    Beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  2. Solange,
    As razões do coração costumam ser contrárias à razão...

    Beijo :)

    ResponderExcluir
  3. Como é bom ter um amor, um desejo dentro da gente ,assim quando bate as saudades é só buscar o sentimento e ele está lá. Intacto. MOntão de bjs e abraços

    ResponderExcluir
  4. [a memória talvez que seja o nosso melhor guarda-fatos... recheado de momentos e instantes, que se guardam nos melhores lugares, saudades do instante]

    um imenso abraço, Solange

    Leonardo B.

    ResponderExcluir
  5. Muito lindo e sentimental o teu texto. Adorei!
    Grande Abraço!

    ResponderExcluir
  6. "Lembrança amarga do meu passado...
    Como ela punge!Como ela dói!
    Porque hoje o vejo mais desolado
    Mais desgraçado do que ele foi..."
    (Manuel Bandeira)


    Saudade, minha menina linda.

    ResponderExcluir
  7. oi gente amei a música! gente descobri uma garota suuper inteligente entrem no blog dela deixem comentario e sigam pq ela segue de volta!!!

    http://joicy-santos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. lindo poema nos faz sumergirnos nos mais sublimes sentimentos que moran no coracao...belo poema

    saludos
    otima semana
    abracos

    ResponderExcluir
  9. eu ainda não tenho esse alguem
    ainda sou sozinha...
    =/

    ResponderExcluir
  10. Ahhh!!o amor nos deixa assim melancólica...e com a sensibilidade á flor da pele...belo texto...um fds.cheio de amor...beijos queridaaa!!

    ResponderExcluir
  11. Às vezes parece que vivemos para os outros, ou que os outros nós concedem o dom de viver. Isso é bom, pois de certa forma nos prova que ainda é possivel amar.

    ResponderExcluir
  12. inevitável...
    bjokas sol!
    linda semana procê!

    ResponderExcluir
  13. Nenhum apartamento,
    Inda que a alma do corpo se aparte,
    Poderá ausentar-te
    Desta alma triste, que continuamente
    Em si te tem presente.

    (Luís de Camões - Écloga IV)


    Beijo terno, Solange.

    ResponderExcluir
  14. Quando se deseja o que é bom, ficamos assim: felizes.

    abraços

    ResponderExcluir
  15. Solange

    A memória nos alimenta, quando a realidade jejua!


    Bj carinhoso pra ti, minha amiga

    ResponderExcluir
  16. Pronto, me deu vontade de sair correndo e buscar um certo abraço. Deliciosas palavras nessa manhã de sol ou promessa de sol. Não sei bem. São tantas nuvens por aqui. rs
    bacio

    ResponderExcluir
  17. Solange! Fico muito contente com tua visita no "Enttreaspas". Seja muito bem-vinda.

    Obrigada pelas lindas palavras!

    Beijos flor : )

    ResponderExcluir
  18. Isso é intensidade...Nem os desalentos são rasos.
    Adorei tudo.
    Depois passa no Escrevência.Grande abraço.
    www.carlamaria3.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Coração: onde guardadamos as melhores recordações!!

    Beijos querida!!^^

    ResponderExcluir
  20. Olá!
    Gostei daqui e resolvi ficar!
    Beijos meus

    ResponderExcluir
  21. Me fez lembrar do Djavan:

    "...Tudo que Deus criou
    Pensando em você,
    Fez a via-láctea
    Fez os Dinossauros,
    Sem pensar em nada
    Fez a minha vida
    E te deu,
    Sem contar os dias
    Que me faz morrer,
    Sem saber de ti
    Jogado à Solidão,
    Mas se quer saber
    Se eu quero outra vida
    Não! Não!..."

    Adorei, Solange! Abração. Paz e bem.

    ResponderExcluir
  22. isso que vale, suponho.

    http://vemcaluisa.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  23. "qualquer amor já é um pouquinho de saúde, um descanso na loucura." (m. bandeira)
    beeeeijos!

    ResponderExcluir
  24. Desejo é isso mesmo. É a cenoura colocada na nossa frente, para que, tal qual os burricos, possamos desempacar e seguir em frente... amando, desejando e vivendo.

    ResponderExcluir
  25. Amor em palavras. Que bonito!
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  26. Sim, Solange, porque algumas pessoas têm este dom: de nos curar de uma loucura qualquer!

    Beijos, linda!

    ResponderExcluir
  27. Nos sentir melhor é o que vale em um relacionamento. Não tem nada mais prazeroso do que isso.
    Feliz 2011

    Daniel

    ResponderExcluir
  28. Tal qual a marca que o gado traz sem se dar conta ...mas que o conduz pro dono certo!

    ResponderExcluir
  29. A razão e os sentimentos muitas vezes se contradizem, mas é a vida . . .tenha uma bela quarta, beijos !

    ResponderExcluir
  30. Que delícia de texto, dá uma tranquilidade esse final tão confortante, que isso! rs
    Abrçs

    ResponderExcluir
  31. É a busca constante por referências! Pelos encontros e desencontros da alma da gente...
    Como sempre inspiradora!
    beijos
    saudades de suas visitas!

    ResponderExcluir
  32. Na retina o sentimento maior:o amor que enxerga(e clareia)toda a alma.

    Lindo!

    Beijo
    Ricardo

    ResponderExcluir
  33. Um pensamento que cura então, isto é bom =P

    Fique com Deus, menina Solange Maia.
    Um abraço.

    ResponderExcluir