quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

dos meus silêncios...

Assim, de susto, decidi mudar tudo.

Acho que mais por cansaço do que por coragem.

É que não quero mais me consolar imaginando o amanhã. Sonhar já não tem me bastado.

Quero a vida me esfolando a pele.

Quero arder.

.

Talvez seja por isso que estou aqui sem estar, ainda desajeitada, ainda insone.

Percebo na alma todas as respostas, e ando platéia de mim mesma.

Cerco-me de silêncios, então minha boca fechada cria reservas para os novos caminhos.

.

Não sei o que esperar, e nem me importo.

Estou indo.

Quero mesmo é gostar de mim no balanço do fim do dia.

Preciso acontecer.

.

40 comentários:

  1. Algures entre os versos de uma canção de António Variações, chamada " Estou além"... está escrito assim:

    "Esta insatisfação
    Não consigo compreender
    Sempre esta sensação
    Que estou a perder
    Tenho pressa de sair
    Quero sentir ao chegar
    Vontade de partir
    P'ra outro lugar

    Vou continuar a procurar o meu mundo, o meu lugar
    Porque até aqui eu só estou bem
    Aonde não estou
    Porque eu só quero ir
    Aonde eu não vou"

    A letra completa ( e a musica ) está aqui.
    http://letras.terra.com.br/antonio-variacoes/920273/

    Tudo de bom para ti, Solange.
    Rolando

    ResponderExcluir
  2. [urge o passo, urge o corpo da palavra, urge o dia... importa o passo!]

    um imenso abraço, Solange

    Leonardo B.

    ResponderExcluir
  3. Me achei nesse texto!
    E no comentário acima tbm...

    ResponderExcluir
  4. Lindo demais teus poemas,amei! parabens!!! grande abraço

    ResponderExcluir
  5. Lindo poema! principalmente a última parte:Quero mesmo é gostar de mim no balanço do fim do dia.

    Preciso acontecer.

    ;)

    ResponderExcluir
  6. E, de repente, é o pássaro
    Que sentes bater asas dentro de ti,
    Que quer voar, livre, solto,
    Alcançar o espaço rumo ao infinito
    E a liberdade completa achar, enfim.

    Tácito

    ResponderExcluir
  7. "Quero mesmo é gostar de mim no balanço do fim do dia.Preciso acontecer."

    Que lindo isso ... nossa, faz bastante tempo que não venho aqui, confesso e peço desculpas. Promessa de ano novo ... voltarei sempre ... saudade daqui!

    ResponderExcluir
  8. Sol

    Muitas vezes não reconhecemos ou entendemos nossos jeitos, pensamentos,nosso hoje , nosso ontem... Aí focamos um amanhã de novos caminhos que (hoje)desconhecemos, mas deixamos para trás uma história, um enredo, uma "plateia com aplausos inaudíveis".

    Vc(esse blog é prova disso)já acontece(e como acontece)!

    Desejo a vc bons balanços em 2011.

    Beijo carinhoso.

    Ricardo

    ResponderExcluir
  9. Sol,
    é nesse não se importar, que tudo fica mais importante..
    é nesse esfolar que a alma se renova..
    e é nesse seu falar que eu me debruço.

    bjs.Sol

    ResponderExcluir
  10. Que delícia ler isso.

    Eu precisava de um balanço desses, rs ;)

    Beijo!

    ResponderExcluir
  11. Vai acontecer, Sol... vai...


    Um beijo no seu coração!

    ResponderExcluir
  12. A vida esfolando a pele...Isso é viver...

    ResponderExcluir
  13. Estou dentro desse texto....muito bom.
    Gostei.

    abraços

    ResponderExcluir
  14. Que delicia, é ler-te, Solange!!!

    Um beijooooo!

    ResponderExcluir
  15. Também preciso acontecer meu bem, também preciso... Tem texto novo no Sub Mundos. Bjus.

    http://submundosemmim.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. incrível como o cansaço às vezes faz acontecer...
    bjokas Sol!

    ResponderExcluir
  17. E no gostar, o cansaço diminui, as cores voltam e o sorriso brilha.
    E aqui, longe, abraço-te e sigo contigo nesse (re)começo!!
    Beijos Sol

    ResponderExcluir
  18. É minha cara, compartilho da mesma impressão. Acredito que todas as mudanças que são planejadas não acontecem de fato, pois não nos trazem a real felicidade de vivermos o momento; de vermos a vida brotar em toda sua magnitude.
    Ótimo blog!
    Estou seguindo seu blog e coloquei um link dele no meu. Quando tiver tempo dê uma passada lá, seria uma honra!
    http://queletra.blogspot.com/
    Atenciosamente. Adriano MB.

    ResponderExcluir
  19. Querida, às vezes a gente tem que abstrair pra seguir em frente, se querer, se amar e principalemnte : sentir paz.
    Ai, as coisas mudam, acontecem, e com sorte - pra melhor.
    Beijo

    ResponderExcluir
  20. Ninguém me leva a sério, mas sigo recomendando uma massagem tântrica ... beijos

    ResponderExcluir
  21. Quero arder,
    ainda,
    como uma ave
    ou um rio,
    enquanto durar
    a luz branca da manhã,
    enquanto for leve o ar.

    Preciso acontecer.
    Em cada manhã.
    Vou aprender com as aves
    a enfrentar o azul.



    Cansaço ou coragem, pouco importa. Abandonaste a sombra. Vais com as aves. E ainda é Verão.

    Lindo o que escreveste.
    Beijo doce.

    ResponderExcluir
  22. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  23. É sempre muito bom passar por aqui!
    Beijos da sua mais nova seguidora

    ResponderExcluir
  24. OLÁ ..COMO QUASE TODOS BLOGS..QUE CHEGO O QUE ME CHAMA ATENÇÃO SÃO OS NOMES E O NOME DO SEU BLOG É POR DEMAIS BONITO NÉ?EUCALIPTOS NA JANELA..NOSSA REFRESCANTE NOME..CHEIRA VIDA SIMPLES MATO COISAS DA INFANCIA NÉ?E O QUE LI FOI DEMAIS DE BONITO..PALAVRAS FORTES...E AS FOTOS AS COISAS TODAS MUITO LINDOOOOO AMEI O QUE VI. ADOREI O QUE SENTI VINDO AQUI..VOLTAREI POR MAIS VEZES

    ATE MAIS
    OTILIA

    ResponderExcluir
  25. Ser platéia de si mesma...quase autofagia.
    Sustentável!

    ResponderExcluir
  26. Que você amanheça..repleta de sol e coberta de estrelas..

    Abraços, Keli

    ResponderExcluir
  27. viivaaa realmentee!!! bela mensagem.

    bjosss...

    ResponderExcluir
  28. Acontecer é algo importante, mas também é algo comum, afinal, eu acho que acontecemos desde que a vida nos é dada. sei lá, talvez esteja eu dizendo bobagens. Mas é a sensação que tenho. Despertar para acontecer... bacio

    ResponderExcluir
  29. NA POESIA VOCÊ É UM ACONTECIMENTO DIÁRIO ADORÁVEL. ABRAÇÃO. PAZ E BEM.

    ResponderExcluir
  30. Solange,

    Férias, verão, visitas tudo isso me afastou dos amigos blogueiros. Estou retornando aos poucos.

    Hoje, li apenas a primeira página do seu blog. Não preciso dizer que as suas palavras calam fundo em minha alma... Você sabe! Bjs

    ResponderExcluir
  31. Você que reluz para tantos, precisa reluzir para si.

    O teu brilho irradia, deixe-se contaminar dele e nem a tua ausência de ti conseguirá te ofuscar.

    É preciso fazer sentido, antes de tudo, pra nós mesmos.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  32. Chega uma hora em que sonhar não basta. É preciso fazer/acontecer!
    Lindo lindo...

    Visita? http://maira-souza.blogspot.com/ =)
    BjO

    ResponderExcluir
  33. Somos duas, minha amiga. Preciso acontecer. Preciso sentir a vida queimando minha pele, só pra ter a certeza que eu estou mesmo viva e que os minutos estão valendo a pena.

    Lindo demais esse texto.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  34. Solange,

    Tu sempre aconteces quando o entardecer te cerra as pálpebras...

    Beijos!
    AL

    ResponderExcluir
  35. Este pensamento em poesia é lindo.
    Há como que um rebuscar de sentimentos que nos obriga a pensar.
    Quero realçar a bela imagem com que ilustra tudo aquilo que nos diz.
    Não podia ser mais feliz.

    ResponderExcluir
  36. Claro, temos de em primeiro lugar gostar de nós próprios. Na sequência disso, vem tudo o resto.
    Gostei.

    ResponderExcluir
  37. Que vá com esta coragem, viver cada ums sonhos que você imaginou, ou quer viver...

    Fique com Deus, menina Solange Maia.
    Um abraço.

    ResponderExcluir